Sem Título-1.png

oficina
processo criativo
com marco antônio
gonçalves júnior

4.png
6_edited.png
Captura de tela 2021-10-27 165530.png

O objetivo desta oficina é proporcionar ao público alvo, principalmente as crianças, uma experiência intimista e inspiradora com uma das principais ferramentas de expressão e expansão do sentir, a música. Tendo o corpo como primeiro instrumento iremos abordar práticas não convencionais de se relacionar com o som de forma intuitiva e musical compondo e compartilhando com o grupo o processo de cada um.

 

Sabemos que o estudo de música na infância promove uma maior atividade cerebral nas áreas relacionadas às funções executivas, parte que controla o processamento e retenção de informações, aumento da criatividade, capacidade de concentração e desenvolvimento da coordenação motora são alguns dos benefícios da prática.

Sem Título-1.png
Sem Título-1.png
2.png
Captura de tela 2021-10-27 214120.png

marco antônio gonçalves júnior

Aos 14 anos, realizou as primeiras atividades profissionais como músico autodidata em bandas profissionais de música regional. Teve a primeira experiência como professor de música em 2008, o que o motivou a estudar com seriedade e se capacitar na área. Participou do festival de música de Itajaí-SC, onde teve aulas com referências da música instrumental brasileira.

Ingressou na Faculdade Internacional Souza Lima/Berklee em São Paulo capital, cursou três semestres do curso de Bacharel em Guitarra Jazz e Música Brasileira. Período de imersão nos estudos da guitarra e da música instrumental brasileira e do jazz. Trabalhou como professor de música em escolas da capital paulista, participou do grupo instrumental Cuca Jazz.

Atua como educador musical no CEM (Centro de estudos musicais Joinville-SC) e desenvolve seu papel como guitarrista freelancer em estúdios, acompanhando artistas e desenvolvendo sua carreira profissional e artística como eterno aprendiz desta linguagem chamada música.

vídeos

6_edited.png

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO: Oficina criativa. Baseada no conceito de condução criativa, aonde os participantes (preferencialmente crianças entre 7-12 anos), serão apresentados formas de prática rítmica e melódica intuitiva a partir de exercícios criados em grupo, será composta uma música, tema ou motivo que sintetize a experiência do estudo